Apresento-vos a Ana Santos, emigrada na Alemanha na cidade Frankfurt, há seis anos e estudante do curso de Assistente social. 

Nasceu em Portugal e sempre gostou de viver por lá, mas surgiu a oportunidade de emigrar para a Alemanha e como ela mesma diz : “ – Segurei essa oportunidade com todas as minhas forças.”. E ela vai nos contar o porquê.

 


Desde criança que sempre tive problemas na família, não havia paz dentro de casa, havia sempre discussões e eu sempre busquei ser aceite por todos, porque nem eu mesma me aceitava. 

Eu tinha vários problemas e tinha muitos pensamentos de suicídio e acabei mesmo por tentar. Isto porque não via qualquer sentido para a minha vida. Sofri deceções, mas também me agradava ver as pessoas sofrerem. Eu não entendia esse sentimento que tinha.

Eu tinha medo de estar em qualquer cômodo da casa sozinha, era necessário estar sempre acompanhada de alguém. Até para ir à casa de banho eu não conseguia ir sozinha, tinha muito medo dentro de mim.

E pensava que a solução era o suicídio, acabar com a dor que estava a causar à minha família. Aos meus 13 anos escrevi uma carta de despedida para os meus pais, peguei na faca, mas apareceu alguém usado por Deus que me impediu.

Desde esse momento decidi entregar a minha vida para o Senhor Jesus, mas o tempo foi passando e passei a priorizar a minha vida sentimental. Quando o relacionamento em que estava terminou, (porque ele decidiu entregar a vida dele para Deus) o meu chão desabou eu pensava de novo em suicidar-me, os pensamentos vinham cada vez mais fortes e em pouco tempo tive a oportunidade de emigrar para a Alemanha. 

Aconteceram coisas para tentar impedir-me, mas eu estava decidida a emigrar e começar a minha vida do 0.

Aqui na Alemanha decidi fazer do Espírito Santo o meu Melhor Amigo, comecei a falar TUDO com Ele. O que eu antes ia a correr contar para as minhas amigas eu contava para Ele e quis mais Dele. A entrega foi super difícil, porém eu estava determinada. Hoje estou transformada, livre de todos os medos, complexos. 

As circunstâncias difíceis elas vêm à mesma, mas o Espírito Santo é a minha força em todos os momentos. Tenho a certeza que Ele é comigo porque eu sou com Ele. Alemanha é a terra prometida.

 

Emigrar não é fácil, e ir para um país que vais querer falar com as pessoas, mas as pessoas não te entendem. Existiram momentos em que senti vontade de voltar para casa. Houve vezes que chorei de saudades, mas hoje vejo que valeu a pena sentir essa dor no passado, para desfrutar das promessas de Deus hoje.

Karina Santos

Estudante, Alemanha

Identificas-te com alguma parte desta experiência? Conta-nos tudo e deixa o teu comentário.