Ao longo dos preparativos do casamento os problemas e imprevistos multiplicam-se. Se estás no processo de preparar o teu casamento ou ajudar alguém nesta fase, não te sintas sozinha.

No blogue existe uma área especialmente dedicada a partilha de experiências das noivas e dos noivos, que sem dúvida nenhuma te ajudará a perceber que todos passam pelas mesmas dificuldades.

Mas além disso, também apresento dicas e soluções, para poderem tratar dos preparativos do casamento com a maior tranquilidade e claro, evitar gastos desnecessários.

Nas experiências partilhadas, as dificuldades que os noivos passam são várias, mas a mais forte é sem duvida os “Convidados”.

No post de hoje, vou ajudar-vos a simplificar os stresses que viveram ou estão a viver com os vossos convidados.  Vamos a isso?

O inicio de tudo, a lista

A lista é enorme ao inicio, depois começam a fazer contas e percebem que não vai ser possível convidar todas as pessoas que, de alguma forma, fizeram parte da tua vida.

Começam os cortes, e mais cortes, percebem que finalmente a lista está feita. Segue-se o próximo nível, as confirmações, outro stress.

Comigo não foi diferente, até a véspera do casamento estava a receber chamadas com confirmações e desmarcações, e sei até hoje várias pessoas importantes que não puderam estar presentes, por diversos motivos e outras que compareceram no dia, sem aviso prévio.

Mas o meu foco estava bem definido, por isso tudo tranquilo! O dia era a minha realização e a vontade de influenciar os presentes a buscarem essa mesma realização sentimental.

Sou obrigada a convidar só porque é da família?

Quase todos se fazem a mesma pergunta. O facto é que existe e sempre existirão familiares mais próximos que outros. Uns que os nossos pais mais consideram e que talvez para nós, não façam assim tanta diferença. O que torna tudo mais difícil não é mesmo?

A forma mais simples será mesmo o casal perceber o que pretende para o dia do casamento. Um dia repleto de familiares que apenas se recordam da vossa infância, ou com as pessoas que de facto foram e são importantes nas vossas vidas e que participaram activamente no vosso relacionamento.

A escolha é vossa, o que pretendem recordar do vosso grande dia?

Comentários durante e pós casamento

Todos os convidados terão uma opinião, mais ou menos agradável, mas todos terão. Costumo dizer que “- A única coisa, impossível de controlar é a reacção dos convidados.” Isto porque são humanos e não robôs e não estão programados a reagirem a tudo de forma positiva.

Existem aqueles que sem noção falam no momento errado na hora errada, mas além de tudo é importante saber que isso é algo que vão ter que gerir e perceber que não podem validar nenhuma delas.

Dicas para vencer “os nervos” com os convidados

  1. Na lista risca as pessoas com as quais não te verias numa ilha deserta sem internet, durante 5 dias.
  2. Apesar de tudo o que vos disserem, discutam a dois o que realmente vos é importante para o vosso dia.
  3. Durante a festa evita aquelas pessoas tipicamente observadoras e comentadoras.
  4. Evita dar importância a qualquer tipo de comentário, não precisam justificar as vossas escolhas.
  5. Troca as redes sociais, por um bom café. Não uses as redes sociais para resolver, comentários ou atitudes mal compreendidas, opta por uma boa conversa com a pessoa ou pessoas em questão.
  6. Fica consciente que muitos comentários vais ouvir, mas o foco é viver o dia de sorriso na cara e ignorar o que acontece de mau.

Por fim espero que ajude

O que acharam das dicas? Ajudou? Contem-me tudo e partilhem com quem mais gostam.