Muitas vezes a parte da documentação é a ultima a ser preparada, mas atenção aos prazos e documentos necessários.

No meu caso, foi tudo ao limite, pois o meu esposo é cidadão estrangeiro.  As complicações foram tantas, que apenas uma semana antes do casamento, obtive a autorização para casar pelo Registo.

Não queiram de todo passar pelo mesmo. Fiquem atentas ás perguntas:

Qual a melhor data para iniciar o processo ?

A data indicada para inicio do processo de casamento, são 6 meses antes. Deve dirigir-se ao Conservatório de Registo Civil.

Quem pode dar inicio ao processo ?

Os noivos ou procuradores com poderes especiais.

É possível dar entrada do processo on-line?

Sim. Caso o tempo e disponibilidade não seja muita, realize o processo a distancia em http://www.civilonline.mj.pt/CivilOnline/ .

Quanto custa casar no civil?

O valor pode variar de 120 Eur a 200 Eur, dependendo do regime do mesmo mas, para mais esclarecimento consulta, http://www.irn.mj.pt/sections/irn/a_registral/registo-civil/docs-do-civil/organizar-o-processo-de/ .

Como fazer, quando um dos noivos, não é de nacionalidade portuguesa?

Nestes casos deve apresentar:

certidão de nascimento do nubente (noiva ou noiva) estrangeiro ;
Certificado de capacidade matrimonial se o país passar ou então documento comprovativo que não emite o certificado ( Documento que consegue obter na embaixada do seu respectivo país).

E ainda…

Em caso de divorcio:

* Deve apresentar o certificado do casamento anterior e toda a documentação correspondente.

Em caso de viuvez:

* Em caso de viuvez, também a documentação do casamento anterior e do óbito do anterior cônjuge.

Tratando-se de um casamento religioso, na igreja católica deve ainda reunir a seguinte documentação:

* Certidões de batismo. Só poderão casar pela igreja, caso sejam os dois baptizados. Se um dos dois não estiver e pretenderem casar pela igreja, essa pessoa terá de fazer a preparação antes para depois se baptizar.

* O diploma do Curso de Preparação para o Matrimónio, caso o tenham feito, já que hoje em dia não é obrigatório em algumas paróquias.

Alguma pergunta ou dúvida? Coloca por aqui, estarei atenta!

Partilhar