O novo ano já entrou e espero que tenham aproveitado ao máximo o último post (Cria a tua lista de objectivos para 2019) , a mim ajudou-me imenso e pude realmente criar objectivos para o novo ano.

Realmente porque pela primeira vez o fiz da forma correta. Em anos anteriores optei por não escrever para não me frustrar com resultados negativos, em outros ao invés de objectivos a alcançar colocava problemas para resolver.

Entrava ano e saia ano, com coisas boas alcançadas e outras menos boas, mas nunca com aquela satisfação de meta alcançada.

Mas o passo seguinte é dar vida a essa mesma lista e torná-la realidade. Mas como?

Adeus preguiça

Nós somos os maiores responsáveis pela nossa vida e consequentemente das nossas atitudes e resultado das mesmas.

A preguiça vem para todos, mas cabe a cada um de nós, aceitá-la ou não.

Claro que precisamos sempre daquele momento no sofá de comando na mão a fazer zapping, mas atenção, isso deve ser um período de lazer e não preguiça.

Vê a preguiça como a tua maior inimiga do ano, foge e corre dela e vais dar-te conta de quanto tempo livre tens. Sempre que te vier o pensamento que precisas fazer algo, não discutas com o teu eu e nem coloques a possibilidade de adiar, apenas faz.

Visão 360º

Cria o teu próprio mural ou espaço de inspiração, para que consigas visualmente perceber, o que já alcanças-te ou que está a planear alcançar.

Ter no campo de visão diariamente tudo aquilo a que te propuseste, vai ajudar-te a ter compromisso e ficará na tua memória.

Agenda

É quase imprescindível a necessidade de uma agenda, isto porque precisamos de planear o que pretendemos alcançar diariamente.

Muitas pessoas não conseguem organizar-se com a agenda, por isso podem optar por outro meio, até um simples caderno, no entanto o mesmo deve ser actualizado e consultado diariamente.

Trabalho diário

A construção ou realização de um sonho/objectivo deve ser pensada e trabalhada de forma minuciosa para que nenhum detalhe seja esquecido.

Lembrando que nem todos os dias conseguimos produzir o mesmo, ou seja uns dias estamos mais activos, outros dias mais pensativos. O importante é não acumular tarefas, nem correr atrás do prejuízo no final do ano.

Sê discreto

Os teus sonhos e planos não merecem ser publicados nas tuas redes sociais ou até mesmo colocados no jornal.

Quero dizer com isto que deves manter o máximo sigilo e claro procurares aqueles que realmente tenham experiência dentro do que pretendes realizar e que te possam dar testemunho.

No meu caso, tenho um grupo incrível de amigos, sempre me apoiam em diversas situações, tendo em conta claro a área de estudo ou não de cada um.

 

Não aceites frases como esta

 

Partilhar